Insônia, às vezes, tem nome.

|

8 de setembro de 2016


Ventou a noite toda e eu não consegui dormir. Talvez o barulho do vento nas folhas tenha me perturbado o sono, talvez a gritaria da mente tenha aberto espaço para a insônia, ou talvez tenha sido só o café que inventei de aceitar às nove da noite. Onde eu estava com a cabeça?

(...)
Não tenho pensado muito, ultimamente. Quer dizer, tenho pensado demais, mas agido na mesma proporção. O tempo escorre pelos meus dedos, enquanto vou abraçando o mundo e tem tanto mundo cabendo dentro de mim, que a cabeça explode. Ontem somou três dias de enxaqueca.

(...)
A cabeça pesa, tomo um remédio, fecho os olhos vinte minutos e tudo se renova. Mas nada se cala, mesmo entre um cochilo e outro, a cabeça não descansa. Meus braços querem abraçar: o mundo, pessoas, sonhos. E ficam ensaiando cada abraço, num repeat alucinado e incansável.

(...)
Eu peguei o hábito de escolher trilha sonora para tudo. Essa é mais uma das manias que roubei das pessoas com quem convivo. Enquanto ventava na janela, enquanto a insônia pedia espaço para uma conversa, enquanto os dedos começavam a tamborilar alguma história breve, tocava O Teatro Mágico – Vim te buscar. Assim como o ensaio dos abraços, a música ficou numa repetição eterna, esperando o sono — o carinho, o colo — chegar.

(...)
Ontem ventou a noite inteira e não conseguia dormir. E entre músicas, pensamentos, barulho do vento, fiquei te sonhando acordada. E entre uma imagem e outra, uma melodia e outra, um assovio e outro, caí no teu abraço apertado inundando o peito de saudades. O sono chegou devagarinho. O vento ficou quietinho. Mas você continuou assoviando do lado de dentro e te sonhei a noite toda. 

(...)



VEJA MAIS:
FACEBOOK | TWITTER | INSTAGRAM | 👻 mafeprobst

• • • • • 

*Para fins de direitos autorais, declaro que as imagens utilizadas neste post não pertencem ao blog. Qualquer problema ou reclamação quanto aos direitos de imagem podem ser feitas diretamente com nosso contato. Atenderemos prontamente.

comentários pelo facebook:

1 comentários:

  1. a minha insônia virou aquele textinho lá que te mandei =)

    ResponderExcluir

infelizmente a plataforma do blogger é meio ruinzinha para comentários, então, se quiser ver minha resposta ao comentário, terá que voltar por aqui. Ou comente pelo Facebook, ali em cima, aí aparecerá a notificação da resposta para você ;) Ah! e se tiver um blog, não tenha medo de deixar link, ok? Procuro visitar todos ♥